Relembre as mortes mais marcantes das 16 temporadas de Grey’s Anatomy

0
4


A 16ª temporada do seriado médico mais longevo da história estreia nesta terça-feira (14) e os fãs da série já podem ficar tranquilos, porque os episódios dessa nova fase passarão no mesmo dia às 21h no Sony Channel.

Mas, apesar da boa notícia, todo mundo sabe que precisa ser forte para conseguir superar as duras e tristes mortes de Grey’s Anatomy, porque não são poucas! Para ajudar a refrescar a memória, listamos as mais marcantes:

As mortes de Grey’s Anatomy mais dolorosas

1- Denny Duquette (Temporada 2, ep.27: “Losing My Religion”)

mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

Denny Duquette (Jeffrey Dean Morgan) era um paciente em estado terminal no hospital. Além do personagem ser muito cativante, ele se tornou ainda mais querido pelo público quando a então residente, Izzie Stevens (Katherine Heigl), se apaixonou por ele.
2- Lexie Grey (Temporada 8, ep.24: “Flight”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

Lexie Grey (Chyler Leigh) era irmã da personagem central, Meredith Grey (Ellen Pompeo). Ela ganhou ainda mais destaque quando começou a viver um romance com Mark Sloan (Eric Dane), um dos melhores médicos do hospital. Lexie morre em um acidente de avião em uma das cenas mais marcantes da série. No momento, Mark fica ao seu lado e se declara para ela antes dela partir.
3- Mark Sloan (Temporada 9, ep.2: “Remember The Time”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

Logo após a morte de Lexie, Mark Sloan (Eric Dane), que também estava consideravelmente machucado por conta do acidente de avião, é levado para o hospital para tentar se recuperar. Ele passa dois meses fazendo tratamentos, mas acaba entrando em coma e Callie (Sara Ramirez), uma de suas melhores amigas, desliga seus aparelhos.
4- George O’Malley (Temporada 6, ep.1: “Good Mourning”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

George O’Malley (T.R. Knight) era também conhecido como 007 entre os médicos do hospital. Em um de seus dias de folga, o personagem se jogou na frente de um ônibus para salvar uma mulher e acabou ficando muito machucado e literalmente irreconhecível. A morte foi uma das mais marcantes porque demorou muito para que o público descobrisse que o paciente se tratava de George, que apenas conseguiu se identificar e avisar que era ele pelo número 007.
5- Adele Webber (Temporada 9, ep.10: “Things We Said Today”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Scott Garfield/ABC via Getty Images

Adele Webber (Loretta Devine) foi esposa do chefe do hospital, Richard Webber (James Pickens Jr.). A morte aconteceu em um momento muito marcante porque Richard estava levando Bailey (Chandra Wilson) para o seu casamento, quando soube que Adele estava a caminho do hospital. A personagem não aguentou e acabou falecendo. Para não estragar a cerimônia de Bailey, o médico optou por sofrer em silêncio durante algumas horas.
6- Derek Shepherd (Temporada 11. ep.21: “How To Save a Life”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

Após 11 temporadas de Meredith e Derek tentando finalmente conseguir viver o romance tão esperado pelos fãs, o personagem acabou morrendo em um acidente de carro. O acontecimento foi tão marcante que muitas pessoas deixaram de assistir a série. No episódio, Derek é atropelado por um caminhão, consegue sobreviver, mas seu atendimento é feito por médicos despreparados. Por fim, Meredith é obrigada a desligar os aparelhos de seu grande amor.
7- Dylan Young (Temporada 2, ep.17: “As We Know It”)
mortes de Grey's Anatomy

Foto: Reprodução

Ainda no começo da série, quando muitos de nós nem imaginávamos que seriam tantas as mortes de Grey’s Anatomy, os médicos se envolveram em uma situação de vida ou morte tentando tirar uma bomba caseira do corpo de um homem. Após ficar horas sem se mover para não deixar que o dispositivo explodisse em suas mãos, Meredith entrega a bomba para o agente Dylan Young. Parecia que a tensão havia acabado, mas quando todos menos esperavam, o objeto explodiu e matou ele na hora. De todas as as ocasiões em que personagens morreram, essa foi a única vez que Shonda Rhimes, criadora da série, admitiu ter se arrependido.
Leia também:

 

 

 





Fonte do Artigo

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui